Sargento baleado durante assalto a cartório morre no HGE, em Maceió

José Valdir Dias da Silva faleceu após ficar 23 dias internado.
Comando da Polícia Militar lamenta perda do oficial.

1264_ext_arquivo

O Comando da Polícia Militar de Alagoas (PM-AL) informou, na manhã deste domingo (20), que o sargento José Valdir Dias da Silva, 56, que foi ferido a bala no dia 27 de outubro durante um assalto a um cartório que fica localizado no Tabuleiro, em Maceió, faleceu nesta manhã no Hospital Geral do Estado (HGE).

Segundo a corporação, o sargento Dias, que estava na corporação há 33 anos e atualmente encontrava-se na Reserva Remunerada, é um policial que deixa um legado de bons serviços prestados à Polícia Militar e a sociedade alagoana.

HGE
De acordo com o boletim médico do HGE o sargento que foi atingido por dois disparos, um no abdômen e outro no tórax, passou por cirurgia e ficou dias entubado na Recuperação Pós Anestésica. No entanto, ele não resistiu e acabou falecendo.

Crime
De acordo com tenente Jackson, do 4º Batalhão, quatro pessoas participaram da ação criminosa que resultou no ferimento do militar. “Segundo relatos das testemunhas, os criminosos chegaram ao cartório em duas motos. A vítima reagiu à abordagem e entrou em luta corporal com dois deles. Um dos outros dois acabaram atirando. Os bandidos fugiram levando a arma do sargento”, expôs o tenente.

g1

20/11/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *