Quatro policiais mortos em queda de helicóptero

Quatro policiais mortos em queda de helicóptero

mortos

Os corpos dos quatro policiais mortos chegaram por volta das 0h30 ao Instituto Médico-Legal, no Centro do Rio. Identificados como Major Rogério Melo Costa, de 36 anos, capitão William de Freitas Schorcht, 37, subtenente Camilo Barbosa Carvalho, 39, e sargento Rogério Felix Rainha,39, eles morreram na hora com a queda do helicóptero.

A queda ocorreu no começo da Avenida Ayrton Senna, perto do acesso à Linha Amarela. A aeronave participava de uma ação do Comando de Operações Especiais (COE) da PM em apoio à Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) local. Desde o começo do sábado, a Cidade de Deus foi palco de intensos tiroteios entre criminosos e os policiais da UPP.

O momento em que o helicóptero começa a perder força foi filmado por pessoas que estavam nas proximidades. O coordenador de Comunicação Social da Polícia Militar, Major Ivan Blaz, disse no sábado que “tudo indica que o helicóptero fez um pouso forçado”.

A Delegacia de Homicídios da Capital (DH) foi ao local para apurar as circunstâncias da queda da aeronave.

Em nota, o ministério da Justiça afirmou que o ministro Alexandre Moraes colocou à disposição o efetivo da Força Nacional que está no Rio para “prestar apoio na segurança pública da Cidade de Deus”. Também disse que o ministro está em contato direto com o Secretário de Segurança Pública do Rio.

g1

20/11/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *