Marx Beltrão foi queimado dentro do Palácio do Planalto

Marx-Beltrao-PMDB
Meia bancada do PMDB na Câmara dos Deputados está achando, segundo a coluna de Lauro Jardim no O Globo, que o Palácio do Planalto confirmou que seria o alagoano Marx Beltrão o ministro do Turismo para testar a repercussão de ter um réu por falsidade ideológica no ministério.
No fundo, de acordo com os parlamentares do PMDB, o Planalto queimou o Marx. Tudo em nome do uma velha briga entre o presidente do senado, Renan Calheiros e o presidente em exercício, Michel Temer.
Agora se sabe que a bancada do PMDB vai entrar na quebra de braço pelo Ministério de Turismo.

Querem dizer que não é do Renan.

bernadino