Acusados de matar adolescente em frente a escola vão a júri nesta sexta

Crime aconteceu em 2014, no bairro da Santa Lúcia, em Maceió.
Melkson Douglas e Edvaldo Sabino serão submetidos a júri popular.

montagem_2_620

Os réus Melkson Douglas e Edvaldo Sabino Fidelis, acusados da morte da estudante Dayse Larissa de Souza em 2014 no bairro da Santa Lúcia, na parte alta de Maceió, vão a júri na sexta-feira (18).

O julgamento será presidido pela juíza Lorena Carla Sotto-Mayor, e está programado para começar às 8h, no Fórum da Capital, no Barro Duro.

A menina foi morta no dia 13 de maio daquele ano, em um terreno em frente à Escola Estadual Gilvana Ataíde Cavalcante Cabral, onde cursava o 7º ano.

Ela estava com uma amiga quando os dois acusados se aproximaram em uma moto. Um deles teria deflagrado tiros em direção à adolescente.

De acordo com o Tribunal de Justiça (TJ-AL), a denúncia do Ministério Público (MP) dá conta de que os réus mataram Dayse por vingança contra um suposto namorado da vítima, que seria traficante de uma gangue rival.

Relembre o caso
Os dois réus foram presos em junho de 2014. Em entrevista ao G1 à época da prisão, Melkson confessou que indicou a adolescente a Edvaldo Sabino, suspeito de ser o autor dos disparos, mas negou que sabia da intenção de matá-la. Ele, no entanto, afirmou que ela mereceu morrer.

“Ela era envolvida com outras mortes. Ela não era nenhuma santa não, morreu porque mereceu”, disse Melkson. As investigações da polícia apontaram que Sabino era um desafeto do namorado da adolescente, identificado apenas como Ronaldo que, segundo as investigações, fugiu da região para não ser assassinado.

O delegado responsável pela investigação do caso naquele ano disse que o namorado da vítima havia sofrido um atentado em Janeiro deste ano. Antes disso, um amigo dele, identificado como Thiago, já havia sido assassinado. No dia 27 de março de 2014, o irmão de Ronaldo, identificado como João Paulo, também foi assassinado.

O julgamento de Melkson e Edvaldo faz parte das ações do Mês Nacional do Júri, iniciado em todo o país no último dia 3 de novembro.

g1

17/11/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *