Jovem grávida é baleada dentro de casa e morre; bebê sobrevive

Uma jovem de 21 anos grávida foi baleada na cabeça, na manhã desta segunda-feira, em Padre Miguel, na Zona Oeste do Rio. Dandara Helena Damasceno de Souza ainda foi socorrida para o Hospital municipal Albert Schweitzer, em Realengo, também na Zona Oeste, mas não resistiu ao ferimento.

A jovem passou por uma cesariana de emergência. De acordo com a Secretaria municipal de Saúde, o estado do bebê é grave.A jovem passou por uma cesariana de emergência. De acordo com a Secretaria municipal de Saúde, o estado do bebê é grave, revela o Extra.

Em entrevista à TV Globo, o coordenador médico da maternidade do Albert Schweitzer, Juciney Pacheco, contou que o bebê nasceu com 900 gramas, e ainda é cedo para dizer se ele vai sobreviver.

— A mãe chegou com um ferimento de arma de fogo ao hospital, já morta, mas a equipe de enfermagem ouviu os batimentos do bebê, por isso foi feita uma cesariana extrema ainda na emergência. O estado de saúde dele é grave, mas ainda é prematuro dizer se ele vai sobreviver — explicou o médico, que disse ainda que os próximos dias serão cruciais.

De acordo com o 14º BPM (Bangu), uma equipe do batalhão foi acionada para o hospital e foi informada que a jovem havia sido ferida em casa, na Rua Mesquita, na comunidade Vila Vintém, por volta das 8h30. Inicialmente, há uma suspeita de que o crime tenha sido passional.

O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios (DH) da Capital. A PM informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que não havia operação policial na Vila Vintém no momento em que Dandara foi atingida.

12/03/2018